História: o que é Estrada Real

Tema:Ecoturismo
Autor: Mariana Postali
Data: 20/9/2013

Pode ser na terra, no asfalto, em trilhas ou pedras. Não importa. Na Estrada Real, a aventura é garantida. Em cada caminho, uma nova descoberta: vilas, igrejas, cachoeiras, montanhas, grutas e rios compõem um dos mais importantes patrimônios culturais e naturais do planeta. Para os olhares mais atentos, pontes de pedra, ruínas, chafarizes, evidenciam as marcas deixadas pelo período colonial.

A Estrada Real, nos dias de hoje, é a reunião dos vários caminhos construídos no Brasil–Colônia, principalmente no século XVII, para o transporte das riquezas do interior do Brasil para o litoral do Rio de Janeiro, donde era transportado para a metrópole portuguesa.

São 1.512 km que permitem mergulhar na história brasileira. Uma oportunidade única de viver as experiências que bandeirantes, tropeiros, oficiais e outros viajantes encontraram na Estrada Real. A circulação de pessoas, mercadorias, ouro e diamante era obrigatoriamente feita por eles, constituindo crime de lesa-majestade a abertura de novos caminhos.

A Estrada Real foi criada pela Coroa portuguesa no século XVII com a intenção de fiscalizar a circulação das riquezas e mercadorias que transitavam entre Minas Gerais - ouro e diamante - e o litoral do Rio de Janeiro - capital da colônia por onde saíam os navios para Portugal. O nome Estrada Real passou a aludir, assim, àquelas vias que, pela sua antiguidade e natureza oficial, eram propriedade da Coroa metropolitana.

A grande importância das vias fez nascer inúmeras vilas e cidades. Esses povoados à beira do caminho, com o cruzeiro, a capela, o pelourinho, o rancho de tropas, a venda, a oficina e as casas de pau-a-pique simbolizaram, durante longo tempo, o processo de nucleação urbana do centro-sul da colônia.

Mas com o fim desse ciclo econômico e com a industrialização, o caminho ficou por muito tempo esquecido, o que ajudou na sua conservação e possibilitou hoje o surgimento de vários projetos de recuperação para explorar seu potencial turístico.

Hoje, a Estrada Real é formada por 177 municípios, sendo 162 em Minas Gerais, 08 no Rio de Janeiro e 07 em São Paulo. A união desses destinos reuniu atrativos de sobra para uma longa viagem. São construções coloniais, igrejas, museus, reservas ecológicas, esportes de aventura, estações de águas minerais, culinária mineira e, principalmente, nossa história.

Não pense que a Estrada já nasceu com toda essa extensão. Foi a união de três caminhos surgidos em momentos diferentes que deram origem ao que ela é hoje: o Caminho Velho, o Caminho Novo e a Rota dos Diamantes.

Nesta reportagem:

» História: o que é Estrada Real
» Caminho Velho, o Caminho Novo e a Rota dos Diamantes





© Copyright 1998 - 2012 - 360 GRAUS MULTIMÍDIA
Proibida a reprodução integral ou parcial, para uso comercial, editorial ou republicação na Internet, sem autorização mesmo que citada a fonte.

Compartilhe:


Livros:

Equipamentos:

  • Parati: charmosa, elegante e cheia de histórias de aventuras
    Lugares
    Parati: charmosa, elegante e cheia de histórias de aventuras
  • Parque Nacional de Monte Roraima
    Parques
    Parque Nacional de Monte Roraima
  • Rota dos Sonhos: trilhas, cultura e muita aventura
    Lugares
    Rota dos Sonhos: trilhas, cultura e muita aventura
  • Parque Nacional Marinho dos Abrolhos
    Parques
    Parque Nacional Marinho dos Abrolhos
  • Parque da Restinga de Jurubatiba. Equilíbrio Biológico Global
    Ecoturismo
    Parque da Restinga de Jurubatiba. Equilíbrio Biológico Global
  • Penedo: conheça a bela 'pequena Finlândia' do Brasil
    Ecoturismo
    Penedo: conheça a bela 'pequena Finlândia' do Brasil