Alexandre Freitas: 'Nasci de novo'

Autor: Alexandre Freitas
Data: 3/6/2003

"Minha luta pela vida é longa, mas estou confiante da vitória. O apoio dos meus familiares e amigos têm sido importante para minha recuperação e sei que tenho dado muito trabalho à todos...

A minha história é única: em outubro de 2002, durante uma competição nas Ilhas Fiji, fui infectado por um parasita endêmico da região (angiostrongylus cantonensis), provavelmente através da ingestão de verduras cruas ou peixes mal cozidos. O parasita alojou-se no tronco da medula. Durante 2 meses e meio, fiquei inconsciente e permaneci na UTI (primeiro em um hospital na Austrália, depois transferido para o Brasil). Quando acordei, constatei que conseguia apenas mexer meus olhos. Nada mais. O fato mais doloroso era que eu tinha consciência das minhas limitações mas não conseguia manifestar nenhum tipo de reação. Apesar das dificuldades, meu maior tesouro estava preservado: minha consciência.

Hoje sou assistido em casa. Meu quadro atual é de meningite eosinófila: eu não ando, não enxergo as coisas com nitidez, não degluto normalmente e não falo sem o auxílio de uma válvula. Tenho que re-aprender a viver. Minha visão foi extremamente prejudicada por uma úlcera de córnea, o que me incomoda muito e, por vezes, retarda o processo de recuperação. Cerca de 95% da sensibilidade humana é representada pela visão.

Outro agravante no meu processo de melhora é que dependo de um aparelho para respirar, pois ainda retenho mais gás carbônico (CO2) que o normal. Isto me prende muito, mas sei que em breve deixarei de utilizar a máquina.

Sou uma pessoa bastante determinada, tenho certeza de que vou me recuperar totalmente e, para isso, levarei o tempo que for necessário. Tenho consciência de que sobrevivi apenas por ser uma pessoa de hábitos saudáveis: me alimento corretamente, não bebo, não fumo, não uso nenhum tipo de droga e pratico exercícios diários.

Sei, também, que para melhorar, tenho que me esforçar muito, por isso me aplico com afinco aos exercícios de fonoaudiologia e fisioterapia, sem reclamar da dor ou cansaço que eles me causam. Minhas atividades começam às 6h30 e terminam somente às 20h. Por vezes, acordo durante a madrugada para me exercitar sozinho. Já consigo ficar de pé com o auxílio de enfermeiros, tenho sustentação dos músculos, faço exercícios de equilíbrio de tronco.

Acredito que a fase crítica já foi superada. Sei que, agora, minha luta depende muito mais de mim do que dos médicos, fonoaudiólogos, fisioterapeutas e enfermeiros que me assistem, mas reconheço que ainda necessito deles. Agradeço à todos que, de alguma maneira, têm me ajudado a passar por tudo isto, em especial aos meus pais Henrique e Vera, minha irmã Vera Helena, meus filhos Amanda e Rodrigo, minha esposa Elza, amigos e familiares. Estou determinado a voltar às minhas atividades brevemente"

A iniciativa de escrever este comunicado foi do próprio Alexandre que, durante uma sessão de fonoterapia, com o auxílio de uma válvula, ditou as principais idéias para a Patrícia (SBCA) escrever.

Nesta coluna:
» Corrida de aventura EMA MixTERRA homenageia Alexandre Freitas
» Alexandre Freitas: 'Nasci de novo'
» Corrida de Aventura - Preparativos
» Estilo de vida do corredor de aventura
» A segurança em Corridas de Aventura
» Superação

Mande uma mensagem para o autor: Alexandre Freitas

Todas as colunas

 

Nota do editor: o texto desta coluna não reflete necessariamente a opinião do site 360 Graus, sendo de única e exclusiva responsabilidade de seu autor.





© Copyright 1998 - 2012 - 360 GRAUS MULTIMÍDIA
Proibida a reprodução integral ou parcial, para uso comercial, editorial ou republicação na Internet, sem autorização mesmo que citada a fonte.

Compartilhe:


Livros:

Equipamentos:

  • Parati: charmosa, elegante e cheia de histórias de aventuras
    Lugares
    Parati: charmosa, elegante e cheia de histórias de aventuras
  • Parque Nacional de Monte Roraima
    Parques
    Parque Nacional de Monte Roraima
  • Rota dos Sonhos: trilhas, cultura e muita aventura
    Lugares
    Rota dos Sonhos: trilhas, cultura e muita aventura
  • Parque Nacional Marinho dos Abrolhos
    Parques
    Parque Nacional Marinho dos Abrolhos
  • Parque da Restinga de Jurubatiba. Equilíbrio Biológico Global
    Ecoturismo
    Parque da Restinga de Jurubatiba. Equilíbrio Biológico Global
  • Penedo: conheça a bela 'pequena Finlândia' do Brasil
    Ecoturismo
    Penedo: conheça a bela 'pequena Finlândia' do Brasil